Ir para o conteúdo

Supermercados realizam manejo dos resíduos de forma independente

11 de outubro de 2017

Medida garante a Prefeitura uma economia de aproximadamente R$ 680 mil,
uma média de R$56 mil por mês

A Prefeitura de Bertioga, por meio das Secretarias de Serviços Urbanos e Meio Ambiente, está deixando de recolher aproximadamente 110 toneladas de resíduos sólidos produzidos por três grandes supermercados da Cidade. O que gera uma economia de aproximadamente R$ 680 mil por ano a municipalidade.

Desde o mês de agosto, os equipamentos estão realizando o manejo dos resíduos de forma independente. De acordo com a Lei Federal 12.305/2010 – Política Nacional de Resíduos Sólidos, os grandes geradores devem cuidar do seu lixo, não cabendo a municipalidade a coleta e destinação final. O Grupo Pão de Açúcar foi pioneiro a se adequar na legislação federal.

Desde agosto, o supermercado sustenta um sistema de coleta de resíduos sólidos independente da municipalidade, possuindo um gerenciamento específico do seu lixo, desonerando os custos com manejo de resíduos do Município.

As outras duas redes, Krill e Semar, passaram a realizar o manejo de forma independente neste mês de outubro. Com essa novidade, de acordo com o secretário de Serviços Urbanos, Luiz Carlos Rachid, a Prefeitura de Bertioga vai economizar uma média de R$ 56 mil por mês, já que não precisará mais coletar os resíduos nesses equipamentos.